Suprema Corte proíbe governo Trump de encerrar DACA

WASHINGTON – A Suprema Corte decidiu nesta quinta-feira, 18, que o governo Trump não pode prosseguir com seu plano de encerrar o Daca, um programa que protege da deportação cerca de 700 mil jovens imigrantes conhecidos como Dreamers.

O chefe de justiça John G. Roberts Jr. escreveu a opinião da maioria, acompanhado pelos quatro membros mais liberais do tribunal.

A decisão da Corte foi um golpe para uma das promessas da campanha central do presidente Trump – que, como presidente, ele “terminaria imediatamente” com a ordem executiva do ex-presidente Barack Obama, a qual Trump chamou de anistia executiva ilegal para centenas de milhares de jovens imigrantes.

O programa, Ação Diferida para Chegadas de Infância (DACA), foi anunciado pelo Presidente Barack Obama em 2012, passando a permitir que jovens trazidos para os Estados Unidos quando crianças solicitem um status temporário que os proteja da deportação e permita que trabalhem. O status dura dois anos e é renovável, mas não fornece um caminho para a cidadania.

*Todos os direitos autorais reservados. Para reproduzir essa matéria é obrigatório citar a fonte e incluir um link para o Portal Manchete USA.

Na MANCHETE USA, dezenas de jornalistas trabalham para levar a você as informações apuradas com mais cuidado e para cumprir sua missão de serviço público. Se quiser apoiar nosso jornalismo e ter acesso ilimitado, pode fazê-lo aqui por US$12.99 por um semestre de nossos boletins exclusivos.