Miami Heat admite “sorte” em chute de 3 errado no final do jogo 5

ORLANDO – Todo torcedor do Miami Heat deve ter gelado quando Danny Green recebeu a bola completamente livre no topo da linha de 3 pontos com cerca de oito segundos por jogar na noite de sexta-feira. Ex-recordista de cestas de 3 em um jogo das Finais da NBA, Green, contudo, errou o arremesso e a equipe da Flórida escapou com uma vitória por 111 a 108 no quinto jogo das Finais contra o Los Angeles Lakers, que ainda lidera a série melhor de sete por 3 a 2.

Principal destaque do Heat na vitória, Jimmy Butler creditou sua equipe pela vitória, mas reconheceu que o time teve sorte na reta final.

– Conseguimos pará-los e conseguimos o que queríamos no ataque. Não acho que pegamos rebote como deveríamos no final. Foi um pouco de sorte o Danny Green errar a bola de 3 do topo do arco – disse o ala-armador à rede de TV americana “ABC” logo após a partida.

O treinador Erik Spoelstra concordou com o diagnóstico apontado pelo astro de sua equipe. Ele explicou por quê Green ficou tão livre na linha de 3 pontos.

– No fim das contas, gosto dessas decisões. Tínhamos todos no garrafão, LeBron (James) teve várias jogadas no quarto período em que chegou até o aro, então precisávamos de mais defensores lá. Mas acho que houve um carma, nosso espírito competitivo por todo o jogo foi ótimo, e nesta liga você acerta ou erra e precisa ter um pouco de sorte. Tivemos, e também fizemos muitas jogadas – afirmou Spoelstra na coletiva de imprensa pós-jogo.

Jimmy Butler arremessa, marcado por Kyle Kuzma: jogador teve seu segundo triplo-duplo das Finais — Foto: Nathaniel S. Butler / Getty Images
Jimmy Butler arremessa, marcado por Kyle Kuzma: jogador teve seu segundo triplo-duplo das Finais — Foto: Nathaniel S. Butler / Getty Images

O técnico também fez questão de exaltar a atuação de Butler. O ala-armador conseguiu seu segundo triplo-duplo nas Finais, com 35 pontos, 12 rebotes e 11 assistências, além de cinco roubos de bola e um aproveitamento perfeito em 11 lances livres. Fora isso, foi o responsável pela marcação em LeBron James na maior parte da partida.

– Jimmy, sua vontade de vencer é incrível, e fazer isso por 46 minutos e ainda aceitar o desafio na defesa… Todo jovem que está entrando na liga deveria estudar os vídeos do Jimmy Butler, ele é a definição de um jogador completo – elogiou Spoelstra.

Mas Butler não está satisfeito. Indagado sobre como iria comemorar a vitória, o craque foi categórico:

– Vamos voltar ao hotel e nos concentrar em melhorar, porque a forma como encerramos o jogo hoje não vai resolver no próximo, então temos que melhorar – decretou.