Leeds United volta à elite do futebol inglês depois de 16 anos

LONDRES – O Leeds United retornou à Premier League após uma ausência de 16 anos, nesta sexta-feira, com a derrota do West Bromwich Albion para o Huddersfield Town.

Um grande favor dos vizinhos em Yorkshire, que venceram por 2 x 1, significou que as comemorações poderiam começar em Elland Road.

O proprietário italiano do clube, Andrea Radrizzani, também celebrará com entusiasmo a promoção, que vale cerca de 170 milhões de libras (213,64 milhões de dólares).

O Leeds tem 87 pontos, com dois jogos a serem disputados, cinco pontos a mais do que o segundo colocado West Brom, que tem apenas mais uma partida no campeonato. O Leeds, comandado pelo argentino Marcelo Bielsa, está seis pontos à frente do terceiro colocado Brentford.

A equipe pode até conquistar o título da segunda divisão no sábado, se o Brentford não conseguir vencer o Stoke City.

“É inacreditável e ainda não caiu a ficha”, disse o capitão Liam Cooper. “Nosso clube, nossos torcedores e nossos jogadores se sacrificaram muito – estamos em apuros há 16 anos.”

“Fazer parte dessa equipe e liderá-la de volta à elite, onde sabemos que sempre pertencemos, é inacreditável. Nós merecemos isso – fomos a melhor equipe da temporada em um nível consistente”, acrescentou ele.

Na MANCHETE USA, dezenas de jornalistas trabalham para levar a você as informações apuradas com mais cuidado e para cumprir sua missão de serviço público. Se quiser apoiar nosso jornalismo e ter acesso ilimitado, pode fazê-lo aqui por US$12.99 por um semestre de nossos boletins exclusivos.