Fed avalia alta de emprego e otimismo nos EUA

(Foto: BM)

WASHINGTON – A recuperação do mercado de trabalho dos Estados Unidos acelerou entre os dias 23 de fevereiro e 5 de abril, afirma o relatório divulgado nesta quarta-feira, 14, pelo Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano). O Livro Bege detalha o cenário econômico em cada um dos 12 distritos da instituição.

De acordo com o documento, a maioria dos distritos registrou um aumento modesto a moderado no número de funcionários, enquanto os setores de manufatura, construção, lazer e hotelaria foram os mais beneficiados no período observado.

Houve ainda uma leve melhora nos salários pagos a trabalhadores, segundo relataram alguns contatos do Fed, afirma o documento, além de uma menor abstenção por conta da pandemia de Covid-19 e o sentimento geral de empregadores como “otimista”.

“Os motoristas comerciais e de entrega foram especificamente citados como escassos, assim como os comerciantes especializados e qualificados”, nota a publicação.